Tecno com 1 ou 2 Retificadores

1 - PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

1.1 CONTROLE:

Por meio de SCR no primário ou no secundário do transformador de potência (se for solicitaria a inversão de polaridade).

1.2 CIRCUITO DE RETIFICAÇÃO:

Hexafásico com reator interfásico ou ponte trifásica.

1.3 CHAVE GERAL:

tipo automático, magnetotérmica ou somente magnética.

1.4 RESFRIAMENTO:

Resfriamento com ventilarão natural ou forrada por meio de ventiladores elétricos (filtro de ar opcional). Temperatura ambiente máxima: 45ºC. (IP 20).

A pedido: resfriamento ar/água (IP 20)

Resfriamento misto ar/água em circuito fechado com trocador de calor ar/água - (IP54)

1.5 PROTEÇÃO:

  • Sobrecorrente: por meio de um circuito eletrônico de limitação e por meio da chave geral automática.
  • termostática nos enrolamentos do transformador principal e nos dissipadores dos diodos.

1.6 CONTROLE POR TENSÀO/CORRENTE:

Controle por corrente e/ou tensão constante

Precisão: ± 1 % para variações da tensão de alimentação de (10% e para variações da carga de 10% a 100%).

2 TIPOS DE RETIFICADORES

2.1 RETIFICADORES DO TIPO N - NR

Possibilidade de controle ou a "corrente constante" ou a "tensão constante" (escolha por meio de um seletor).

2.2 RETIFICADORES DO TIPO NR COM CICLO TEMPORIZADO

Os retificadores com inversão de polaridade TECNOVOLT estão providos com um dispositivo de inversão automática da polaridade para um tempo predeterminado (ataque anódico automático). Encontra-se também disponível a versão na qual as polaridades positiva e negativa são alternadas ciclicamente, conforme tempos predeterminados

2.3 RETIFICADORES DO TIPO P

Nos retificadores a ondas pulsantes TECNOVOLT o valor da corrente de impulso pode atingir a 1,5 vezes o valor nominal (de base). Sobrepor impulsos positivos ao nível base (reguláveis entre 0 e 50% do nível base).

Exemplo: um retificador de 5000 A (valor nominal) pode atingir 7500 A. Além disso os retificadores a ondas pulsantes podem trabalhar com uma corrente média máxima (mesmo sem impulsos) igual a 1.35 vezes o valor nominal. Exemplo: um retificador de 5000 A pode trabalhar com uma corrente média máxima de 6750 A. Graças ã sobreposição dos impulsos positivos sobre o nível base, alcança-se um aumento da velocidade operacional e ainda:

  • na anodizacão uma melhor qualidade do óxido,
  • na eletroposição urna maior penetração

2.4 RETIFICADORES DO TIPO PRP

Além das vantagens citadas no item 2.3 existe ainda a possibilidade de: obter uma inversão periódica da polaridade (com duração de milisegundos) a intervalos estabelecidos (da ordem de segundos). Graças à inversão periódica da polaridade, alcança- se, além das melhorias alcançadas com a corrente pulsante, uma maior uniformidade de deposição e, no caso da cromação dura, um depósito isento de fissuras (ver apostila técnica)

2.5 RETIFICADORES DO TIPO PRPR

Complementando o item 2.4, o retificador PRPR, efetua a inversão contínua da polaridade (utilização para o ataque anódico).

2.6 ALIMENTADORES PARA ELETROCOLORAÇÃO

Alimentadores com regulagem contínua da tensão de saída, por meio de regulador com contatos deslizantes em duas versões: - c.a. corrente alternada e c.c. + c.a. corrente contínua mais corrente alternada. Características comums às duas versões:

  • Alimentação nomofásica
  • Forma de onda de saída senoidal
  • Dispositivo de retomada de coloração
  • Funcionamento manual e automático

3 OPCIONAIS

3.1 FILTROS PARA BAIXO VALOR DE RIPPLE

3.2 COMPUTADORES DE PROCESSO - ELCA RAMPER

Capaz de executar automaticamente os odos de trabalho conforme a modalidade preestabelecida, podem ser instalados nos retificadores tipo N-P-PRP-PRPR.

3.3 APC UM COMPUTADOR ESPECIAL UTILIZADO NA ANODIZAÇÁO.

3.4 INTERFACEAMENTO COM CLPS EXTERNOS

Nossas placas eletrônicas para o interfaceamento dos sinais de entrada / saída são óptica isoladas.

Fale Conosco

Estamos sempre prontos para melhor atendê-los.